Benvindos!

Neste espaço divulgo meus trabalhos, textos e eventos.
Por gentileza, não faça cópia dos textos ou das fotos, obrigada!

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Controle de pragas no jardim

   O que são pragas? É considerado praga a infestação em larga escala de insetos, tatuzinhos, lesmas e outros que atacam as plantas, comendo folhas, raízes e flores.
  Insetos: gafanhoto, grilo, besouros, comem as folhas, brotos, botões florais e flores. São insetos mastigadores. Pulgões e  cochonilhas  são insetos sugadores, dispõem de apêndice bucal semelhante à uma agulha, enterram nas folhas ou troncos sugando a seiva elaborada rica em nutrientes. As brocas são larvas de mosca da broca ou larvas de besouros, que fazem galeria no troncos, em direção á seiva bruta que sobe, prejudicando e acabando por matar ramos inteiros.
   Lesmas e caramujos adoram umidade e lugares escondidos e devoram com voracidade tudo que lhes apetece. O uso de cinza de lareira (de churrasqueira não serve por conter sal) junto ao tronco das plantas afasta a lesma pois a cinza, alcalina, destrói sua mucilagem e a leva à morte. Uma boa isca atrativa  é colocar na garrafa  cerveja ou leite com sal. O arejamento de canteiros, a visita ao jardim após uma chuva e a catação dos indivíduos também é o melhor controle.

Como usar defensivos ecológicos
   Com o meio ambiente cada vez mais poluído, os jardineiros devem pensar mais de uma vez em adquirir venenos para combater as pragas de seu jardim. Envenenar o próprio ambiente é uma maneira certa de elevar o nível de doenças dermatológicas e respiratórias. Temos o controle biológico feito pelos pássaros que visitam nosso jardim e catam bichinhos, como a carruíra, o sabiá, joão-de-barro,cambacica. Aliás, este também adora flores com néctar e contribuem assim para a polinização tanto quanto beija-flores e abelhas. Envenenando o ambiente do jardim matamos também os insetos predadores que ajudam a controlar as pragas, como o louva-deus, a joaninha vermelha, a libélula e as vespas.

Com pesquisas feitas, descobriu-se que chás de plantas tóxicas ajudam a combater os insetos que comem ou sugam as plantas, sem afetar o meio ambiente. E chá de quê? De arruda, alamanda, jasmim-manga, folhas e fruto de cinamomo. O chá é simples de fazer: usar recipiente não usado para alimentos, colocando folhas de alamanda ou arruda ou folhas e frutos de cinamomo, cortados e prensados, juntar água quente e esperar esfriar. Coar, colocar em recipiente com aspersor e aplicar sobre as plantas. Empregar no mesmo dia para não perder a eficácia do veneno. Serve para liquidar com cochonilhas e pulgões da maioria das plantas ornamentais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário